História de Ângulo-Pr

por Interlegis — última modificação 18/01/2015 17h45
Colaboradores: Professor Raimundo Bianchini

      Em 1946, três imigrantes russos em sociedade adquiriram, da Companhia Melhoramento de Terras do Norte do Paraná área para formarem fazendas de café. Desmembraram 30 alqueires da área adquirida e os destinaram a uma área urbana, cujo projeto baseou-se no desenho urbano da cidade de Belo Horizonte.

       O local, primeiramente chamado de Fazenda Dois Irmãos, ao ser constituída a área urbana passou a denominar-se "Ângulo", devido à configuração das entradas que delimitam a região. Criada através da Lei Estadual nº 9.357, de 04 de setembro de 1990, foi instalado oficialmente em 01 de janeiro de 1993, sendo desmenbrado de Iguaraçu.

      Tem como principais atividades econômicas a agricultura (soja e algodão)  a avicultura. O aniversário da cidade é comemorado no dia 03 de setembro. O padroeiro é São João Batista, Homenageado no dia 24 de junho.

          Escolha do Nome

       Os colonizadores e fundadores da cidade após a observação dos traçados das estradas que dava acesso a esta localidade chegaram uma conclusão que a cidade ficava dentro de um ângulo pelas divisas das terras da Companhia Melhoramento Norte do Paraná com as terras do Estado, da Gleba Interventor e pela Estrada que ligava Iguaraçu a Maringá e a Estrada Boiadeira que fazia a ligação da Estrada Maringá a Flórida ficando assim o traçado da cidade em forma de um ângulo, daí a origem do seu nome Ângulo.

    Em 1990 Ângulo é desmembrado de Iguaraçu pela Lei nº 9.357 de 03 de setembro de 1990, e em 1993 ouve a primeira eleição sendo eleito o Sr. Ângelo de Adélio Maróstica, veremos a seguir o histórico político de Ângulo. 

      Emancipação Político-Administrativo

     Para conseguir a emancipação político-administrativa, houve muitas lutas, empenho e dedicação de lideranças políticas e sociais. Não faltaram trocas de idéias e busca de orientações políticas, principalmente do ex-prefeito Jefferson Xavier dos Santos que empenhou em buscar junto ao seu amigo e colega Cartorário e político o Senhor Antonio Facci da cidade de Maringá, que já havia trabalhado na emancipação política da cidade de Sarandi – Pr.

 O primeiro passo foi formar uma comissão Pró-emancipação, que foi presidida por Jefferson Xavier dos Santos, tendo como membros: Primo Vandanir Bozelhe; Ângelo de Adélio Maróstica; Sergio Borges de Mello;Raimundo Bianchini;Pedro Moraes; José Carlos Curti; Benedito Reginaldo da Silva (Didi Vilhena); Antonio Valdecir Maróstica; Dirceu José Mazarão e Joaquim da Costa (Quito).

 O Projeto de Lei de emancipação foi de autoria do Deputado Estadual Antonio Bárbara, em co-autoria com o Deputado Quiélse Crisóstomo. A comissão de Constituição e Justiça que deu o parecer favorável ao Projeto de lei nº 120/89 da criação do Município de Ângulo foram os Deputados Estaduais Cândido Basto - Presidente e EdmarLuiz Costa– Relator, deram o parecer favorável ao Projeto de lei nº 120/89 de 12 de abril de 1989 da Assembléia Legislativa do Estado do Paraná – Sumula cria o Município de Ângulo desmembrado do Município de Iguaraçu.

No dia 27 de novembro de 1989 os deputados do Paraná aprovaram o projeto do Deputado Antônio Bárbara que autoriza a realização de Plebiscito no Município de Iguaraçu para a criação do Município de Ângulo.

No dia 08 de dezembro de 1989 o Diário Oficial do Estado do Paraná nº 3.159 Atos do Poder Legislativo Resolução nº 56/89 autoriza a realização do Plebiscito na área que abrangem o Distrito de Ângulo no Município de Iguaraçu.

O Plebiscito porém foi marcado pelo Meritíssimo Juiz De Direito da Comarca de Astorga Dr. Carlos Olevir Oldakowski para ser realizado no dia 25 de março de 1990.

No dia 23 de março de 1990, o Meritíssimo Juiz de Direito Dr. Carlos Olevir Oldakowski recebe um Telex do Presidente do Egrégio Tribunal de Justiça do Estado do Paraná suspendendo o Plebiscito no Distrito de Ângulo, por força de um Mandado de Segurança impetrado pelo senhor Prefeito de Iguaraçu Isaias Pires Ramos. A Comissão de emancipação política de Ângulo entra com recurso no Egrégio Tribunal de Justiça do Estado do Paraná e consegue aprovar e superar todas as exigências impetradas pelo Município de Iguaraçu e consegue derrubar o mandado de segurança.  E assim o Dr. Carlos Olevir Oldakowski Meritíssimo Juiz de Direito da Comarca de Astorga, marca nova data para Plebiscito que foi realizado no dia 24 de junho de 1990, com a vitoria de 1.223 eleitores assinalando a palavra SIM e 59 eleitores assinalando a palavra NÃO

Com a emancipação política do Município de Ângulo, veio os candidatos para disputarem uma vaga no Legislativo e Executivo, isto é, Prefeito e vereadores os candidatos a prefeito foram: Ângelo de Adélio Maróstica e Dircei José Mazarão, foi vencedor para ocupar o cargo de prefeito por 04 anos Ângelo de Adélio Maróstica.